Por Danielle Castro e Viktor Gruska

Na manhã desta quarta-feira, 26/06, os técnico-administrativos da UFRN, reunidos em Assembleia Geral, analisaram e deliberaram acerca da assinatura do Termo de Acordo de Greve, assim como sobre a continuidade ou não do movimento grevista. Em regime de votação, por ampla maioria de votos, a categoria decidiu autorizar a FASUBRA a assinar o Termo de Acordo de Greve desde que feitas as alterações e correções indicadas pelo Comando Nacional de Greve – CNG (ver tabela abaixo). Diante disso, a categoria votou pela continuidade da greve até que a Minuta de Acordo revisada pelo CNG seja pactuada junto ao MGI* e a realização de uma nova assembleia na segunda-feira, dia 01/07, que irá avaliar se o documento contendo as alterações e correções propostas foi atendido.

A assembleia contou com a participação de Mirian Dantas, Coordenadora Nacional do Fórum Nacional de Pró-reitores de Gestão de Pessoas (FORGEPE), que informou ao plenário que a contagem dos estágios probatórios não seria interrompida em razão do exercício do direito constitucional de greve e reafirmou o compromisso assumido pela UFRN de que as horas grevadas deverão ser repostas pelo cumprimento das demandas acumuladas de trabalho.

No dia 24/06, o Comando Nacional de Greve, por meio do Informe de Greve (IG) nº 6 de junho, avaliou que o Termo de Acordo deveria ser assinado se contemplasse todos os pontos e prazos negociados nas reuniões com o governo. Na tarde da terça-feira, 25/06, o MGI enviou à FASUBRA a Minuta do Acordo de Greve e o CNG se reuniu para analisar o documento e estabelecer seu posicionamento. Ocorre que foram identificados erros e lacunas que demandam ajustes e correções para que o Termo atenda a contento o que já havia sido definido nas Mesas de Negociação com o governo.

Confira a tabela apresentada durante a assembleia, indicando as correções necessárias para a assinatura do Acordo de Greve:

*O CNG da FASUBRA iniciou um diálogo com o CNG do SINASEFE, na perspectiva de construir unidade para apresentação de um único documento a ser encaminhado nesta quarta-feira, 26 de junho, pela manhã, ao governo. Disponível em: <https://fasubra.org.br/geral/cng-analisa-minuta-do-termo-de-acordo-com-o-mgi/>. Acessado em: 26/06/2024

Fotos:

Comente pelo Facebook